20.2.10

Marginal

atravessou a rua
no maior desleixo
andava solto
tipo
deixo não deixo

a correnteza
em volta
não era com ele
a turba e a pressa
passageiras
enchiam a avenida de bobagens
ligeiras

sem eira nem borda
seguiu seu desfecho
sua força
sua calma

são de cair o queixo.

12.2.10

Carnaval, bunda e alegria

a bunda se divide em duas partes:
a de dentro e a de fora

e com muita arte
parte
sem delongas
atrás do bloco
que não tem (e só tem) fantasia
para o povo cantar

a bunda se diverte em duas artes:

e o fio dental
vai fazendo a alegria
euforia na lata

para o povo catar.

8.2.10

Tergiverso

o olho da água é fundo
o sobrenome da jane é fonda
a dor do zagueiro que bate é onda

então se tudo no mundo é torto

eu tergiverso

o voo da águia é reto
o risco do raio é rápido
o ritmo da rapsódia é húngaro

então se tudo nessa vida é vítima

eu tergiverso

até que a neve não seja tão fria
o verão não se faça tão caldo
e o gol mil não pinte de pênalti

então o universo será sem esquema

e eu traveoverso.