16.8.08

Revolucionário


descobri
quanta fúria existe dentro desse seu jeito plácido

descobri
quanto doce brilha atrás desse seu olhar ácido

descobri
quão rígido osso recheia esse músculo flácido

descobri
que verdades ocultam nosso acordo tácito

descubra

quantos conservadores vivem num

revolucionário.


2 comentários:

Tião Martins disse...

Vamos mudar o mundo? Hoje não, tô com preguiça...

Luciana disse...

Muito bom, mesmo...
Semprei admirei o Chê, mas movi uma agulha pra tornar o mundo um lugar melhor...
Tá difícil administrar a própria vida...rsrsrs