30.7.13

Intempérie

uma música singela
a bateria da portela
a cadela dando cria
um, dois atrás dela
o poeta faz poesias
o porteiro na janela

ai que vento sem acento
meu boné na cabeça
dela.

Nenhum comentário: