17.9.13

Laxante

não quero
morrer
entupido de poemas
por isso
vou soltando
essas letras

pequenas.

2 comentários:

Flávia disse...

"dai de comer a quem tem fome, dai de beber a quem tem sede".

com fome e sede de letras, levo as tuas.

beijos, moço.

Tião Martins disse...

Obrigado Flavia, pode levar à vontade! Beijos!