23.5.14

Ignorante

gosto
do desconhecido
como se ele fosse
um velho amigo
um vizinho antigo
um bombom guardado
gosto
do desconhecido
com seu gosto
estranho
de algo
que nunca será
ao meu lado.

Nenhum comentário: