5.12.11

Constatação

não sou alegre
nem sou triste
nem poeta

sou
aquele careca
que a bosta do pardal

acerta.

6 comentários:

Tião Martins disse...

Quando morrer quero reencarnar passarinho só pra cagar na cabeça alheia.

Felipe Marques disse...

Você é um comediante-poeta!

Hilário!

Curti! Abs.

Dellone disse...

Rachei de ri agora!
kkkkkkkkkkk kkkkkkkk

Muito original! Seguindo!
parabéns por sua forma descontraida
...

visite-me quando puder
--> silenceshadows.blogspot.com

desde já lhe desejo BOAS FESTAS
e um FELIZ ANO NOVO

até breve!

massimo disse...

Caro Tião
Você é mais
muito mais do que isso
de qualquer forma
é melhor sair de chapéu.

tenório disse...

Ei querido conterrâneo! Aqui é o Tenório. Fiquei um tempo sem blog e tal. Fiz link desse espaço que adoro. E sobre o poema: sensacional! Mais que isso: genial.

Abração

Tenório

Tião Martins disse...

Valeu Tenório! Obrigado e grande abraço!!!