10.10.12

Morto-vivo

meus poemas não são para seus ouvidos
são para ser lidos
assim
como se eu tivesse
morrido.

Um comentário:

Tião Martins disse...

Poesia e pintura. Tudo a mesma belezura!