27.9.08

Gira

e
quando eu morrer
não vou fazer
nenhuma falta

o mundo gira
de vez em quando
um de nós


salta.

6 comentários:

Tião Martins disse...

para ler enquanto o mundo gira...

Luciana disse...

Uma realidade...Uma verdade...
Uma crueldade!!!

Daniela Lima disse...

Confesso que não te via poeta. No entanto, que surpresa!

Tião Martins disse...

Interessante, Daniela. Tenho ouvido este mesmo comentário com uma certa freqüência ultimamente.
Estou começando a achar que não tenho cara de poeta... seja ela qual for. Rs!
Mas que bom que vc gostou. Beijos.

Daniela Lima disse...

Mas eu acho interessante que nem tudo esteja aparente - "não esmagar as entrelinhas".

A Bruna Beber participou de um projeto meu, olha só: http://transitivos.wordpress.com/category/bruna-beber/

Tião Martins disse...

Pois é, sei lá, tento não ser óbvio. Tento não ser formalista, não ser muito lírico, nem sei.
Na verdade penso muito pouco sobre o que escrevo. Sou uma besta... ahahahaha!
Você conhece a Beber? Legal! Gosto muito dela. Vou olhar seu projeto.
beijo