9.12.13

Poema conselho II

na falta
de um risoto
arbóreo
vá de feijão
com arroz
nem deixe
pra depois
o que pode comer hoje.

Nenhum comentário: