4.4.17

Noturnos

a noite chega
com seus trejeitos
escuros
sombras mal faladas
gatos em cima
dos muros
sufocos
sussurros
não tenho insônia
nem me iludo
tenho é a cabeça
cheia
de entulhos.

Nenhum comentário: