28.7.17

Noturno

silêncio...
sussurram
as estrelas
num brilho
sombrio
hoje o infinito
vai dormir
vazio.

Nenhum comentário: