Pular para o conteúdo principal

Quebra tudo


postado originalmente no Poemadia www.poemadia.blogspot.com

adeus meus elepês
so long meus cedês
agora sou só música
em megas de emepetrês

adeus poemas de papel
goodbye direitos autorais
sou um texto sem dono
sou um never more nunca mais

adeus artista revolucionário
bye bye criador de dicionário
seu mundo acabou e nem te avisou
que o futuro chegou múltiplo
e binário

you lost

otário.

Comentários

Tião Martins disse…
O futuro adeus pertence.
oi,tiaõ! a vida segue nesse rítmo alucinante...e o futuro..a DEUS PERTENCE...mas como artista plástica,admiro o novo e o anterior
a ele...adoro ouvir discos do meu pai...e meu mp3! dúvidas... na internet!... mas não consegui jogar fora...o velho dicionário. e por aí vai!....mas como afirmas
o futuro adeus pertence.
bjos e parabéns... raciocínio incontestável!
taniamariza
manudutra disse…
A-Do-Rei!
Vc é mesmo um rei nisso.

Fiquei com saudades dos trotes de telefone.
Como a gente se divertia com eles.
Também se foram.
Fui!
Manu
Li no Poema Dia.
Você fez bem em registrá-lo também aqui!
Beijo.
Tião Martins disse…
Tania: já estava sentindo sua falta... bom que vc apareceu pra quebrar tudo comigo!

Mamá: os trotes eram divertidos mesmo... quem foi que acabou com eles? Sacanagem... vou te passar um trote amanhã!

Renata: pois é Renata, aqui acrescentei essa imagem que só achei depois, rs.

Beijos para vcs.
que boa acolhida ,tião!...
podemos gargalhar juntos ..de muitas coisas! mas quebrar...!
ha.ha.ha...dizem que sou "rainha da sucata" ! rsrsrs...pra arte
,sempre,há uma nova(re)criação,née!
e meus onze anos...de prática de yôga...só paz! que o mundo evolua... com suas idéias também,tião! bjos
taniamariza
Tião Martins disse…
Tania: a gente quebra mas depois conserta ou faz coisa melhor.

Beijos!

Postagens mais visitadas deste blog

Tiradentes

joaquim josé da silva xavier
foi pro tudo ou nada
foi pro que desse e viesse
foi apresentado ao laço
foi dividido em pedaços
espalhado
dispersado
como a consciência nacional

mas não fizeste mal
joaquim

cortaste um dobrado
mas ganhaste um feriado
que se por ti não foi gozado
é por nós aproveitado

tenho dito
e obrigado.

Poema biscoito

somos farinha
do mesmo saco
irmãos na mordida
no farelo
no tasco.