24.9.14

Sombreados

sem passado
sem futuro
sigo
olhando
no escuro
pontos de luz
que os antigos
e novos
magos
fingem ser
estrelas
e no fundo
são
centelhas
de iluminação.


Nenhum comentário: